Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pedro Nogueira Photography

Um blog para mostrar as minhas fotos e para escrever sobre tudo o que me vier à cabeça …assim haja tempo.

4 meses depois, outro post sobre futebol

01
Jul16

Cada vez dou menos atenção e falo menos de futebol, principalmente no que toca a jogos de selecção e ainda ontem estive de costas para duas televisões enquanto bebia uns copos com amigos, no entanto, expliquem-me uma coisa. Nos penalties, contra a Polónia, apenas um jogador não marcou, graças a uma colossal defesa do Rui Patrício mas só se falava do Quaresma.
Sou eu que sou parvo ou anda tudo a mamar gelados com a testa?
Phonix, vejam lá isso canudo!

 

O meu "directo" de Belém

04
Jun12

 

Boa tarde. Aqui estamos nós, à custa do erário público, a seguir em directo o autocarro da selecção nacional que vai a Belém, visitar aquele senhor cuja reforma não chega para as despesas. Segundo se sabe, o autocarro vai parar primeiro nos Pastéis de Belém para que possa levar alguma coisa que se coma e desta forma o inquilino do palácio não discursar de estômago vazio.

<…>

Temos agora outro excelente momento de reportagem. O autocarro está com alguma dificuldade em passar o portão do palácio, vamos aguardar com a emotividade que o momento exige para que possamos verificar se não haverá lugar a espelhos retrovisores partidos. Segundo se julga saber, Cavaco Silva, que está a espreitar pela janela, já terá afirmado que não assina declarações amigáveis a ninguém…

<…>

Numa sala intermédia é feita a triagem dos jogadores que sabem ler para ficarem à frente na fotografia. Aos outros, para não ficarem melindrados, foram distribuídos livros para colorir.

<…>

Outro momento de antologia. As palavras de Fernando Gomes que fala em Descobrimentos com cara de quem não faz a mínima ideia do ano em que começaram. Seguem-se Paulo Bento e Cristiano Ronaldo, logo seguido de um pequeno discurso do Presidente da República.

O penteado, tipo ouriço, de CR7 que como capitão, está incumbido de apresentar os restantes membros da comitiva a Cavaco Silva, também não passa despercebido. O Presidente aproveita a oportunidade para perguntar a Ricardo Quaresma se já recuperou as jóias.

<…>

Cavaco Silva terá afirmado, "Levem-nos para a varanda, estão a sujar-me os tapetes todos e está a ficar aqui um cheiro insuportável a gel para o cabelo."

<…>

Agora em directo da Portela. Conversamos com o comandante e a chefe de cabine. Ficámos a saber que o comandante acabou de chegar e ainda não consultou a meteorologia e que para a TAP, todos os passageiros são iguais. Sem estas informações os portugueses nem iriam conseguir fazer a digestão do almoço em condições.

<…>

Mais um grande apontamento. Da varanda do palácio e já a caminho do autocarro, Postiga pára a meio das escadas para ajeitar os "tintins".

<…>

É a chegada do autocarro à Portela, a preocupação dos portugueses neste momento estará com certeza em saber se nenhuma mariconera Louis Vuitton fica esquecida dentro do autocarro.

O helicóptero RTP, com visão de Raio-X certifica-se de que tudo corre em conformidade.

<…>

Com os jogadores a caminho da zona de embarque ficamos a saber que Hugo Almeida comprou revistas e, pasme-se, são para ler.

<..>

Não sei o que se passará a seguir mas o meu "directo" acaba aqui.

Que o Airbus A319 "Vieira da Silva" com 2 pilotos e 7 hospedeiras (outro lote de informação sem a qual ninguém se deitava hoje) levante voo depressa porque eu tenho de ir fazer chichi.

O mais grave é saber que a RTP já tem outra equipa à espera do avião.

 

Depois o Salazar é que embrutecia o povo.


E tu, onde é que enfias a braçadeira?

22
Mai12

"Com uma braçadeira no braço…", in spot publicitário da corrida pela selecção.

Onde é que os senhores do BES, da FPF e da RTP estarão habituados a enfiar a braçadeira?

Embora saiba que “braçadeira” possa ter alguma dúzia de definições diferentes, todos sabemos a que braçadeira se estão a referir, ou não? 

Um mês inteiro a gramar estas baboseiras de corridas, hinos e patrocinadores, apoios, bandeirinhas e outros horrores (1) por causa de 270 minutos de futebol, 90 dos quais apenas para cumprir calendário.

Apostamos?

 

(1) Vejo o asqueroso Carlos Manuel e o horripilante Maniche e lembro-me do “Shining”. Heeeeeere’s Johnny!

O “relvado”

17
Out11

Se há coisa em que, pensava eu, todos os Sportinguistas estariam de acordo, seria em relação ao relvado do Estádio José de Alvalade, e chamar-lhe “relvado” já será um eufemismo.

Não é, nem nunca foi um relvado de qualidade, longe disso, e Paulo Bento vem agora vetar o Estádio José de Alvalade, para o jogo com a selecção da Bósnia, precisamente por causa da fraca qualidade do mesmo.

Acreditando que essa é a única razão, tudo me parece normal. É lógico que havendo melhor, e na minha opinião, há, não vejo porque não se opte por essa via. Como Sportinguista até agradeço e mais à frente explico porquê.

O que me faz confusão é aparecerem agora Sportinguistas indignados por tal decisão quando também eles já fizeram críticas ao tapete de Alvalade.

Então o relvado, presta ou não presta?

Na minha opinião, não presta, e como tal há que poupá-lo.

Querem ou não querem o melhor para a Selecção Nacional?

Para aqueles que respondem afirmativamente, deverão por certo desejar que o jogo se dispute num outro relvado para que a equipa da Quinas tenha as melhores condições possíveis.

Para mim é igual ao “litro”. Por muito que me esforce, a Selecção Nacional, diz-me muito pouco. A Selecção Nacional e as outras. Tenho preferência pelo futebol a nível de clubes.

Dia 16 de Novembro há um jogo muito mais importante para mim. O Sporting CP recebe o Liverpool, em jogo a contar para o torneio “The NextGen Series” que muito provavelmente teria que ser disputado no Estádio do Restelo caso a Selecção Nacional, na véspera, jogasse no Estádio José de Alvalade.

Assim sendo, vão lá jogar para bem longe que o nosso Estádio é para o nosso Clube e para as nossas equipas.

Saudações Leoninas!

The NextGen Series

Sporting Clube de Portugal

Ricardo Carvalho, explica-te!

02
Set11

Não sou adepto do FC Porto, não tenho particular admiração pelo Chelsea, não gosto nem um bocadinho do Real Madrid e mesmo da selecção, tem dias e muito poucos, mas apesar disso sempre vi o jogador Ricardo Carvalho, dentro de campo, como um excelente profissional, talvez um dos melhores defesas centrais do mundo. Sempre praticou jogo limpo apesar da dificuldade imposta pela posição que ocupa sem nunca ter precisado de ser um selvagem como era, por exemplo, Fernando Couto, para se impor.

Fora de campo e sem o conhecer pessoalmente, sempre me pareceu uma pessoa recatada, um pouco tímido até, do género anti-vedeta.

Como tal, foi com algum espanto que ouvi a notícia de que teria abandonado o estágio da selecção sem avisar ninguém, apenas porque recebeu a informação de que não iria ser titular no jogo de hoje, frente à congénere cipriota.

Custa-me um pouco a crer que se a intenção fosse renunciar à selecção o jogador não tivesse preferido sair pela porta grande e simplesmente emitir um comunicado nesse sentido. Penso que depois de tudo o que deu à camisola das quinas, ninguém lhe levaria a mal que com 33 anos de idade o quisesse fazer.

Um profissional de futebol, seja ele quem for, não pode sentir-se desrespeitado apenas porque não é titular num determinado jogo, daí e sem querer tomar partido por ninguém, tudo isto me parece muito estranho, vindo de quem vem.

Do outro lado temos o seleccionador Paulo Bento que afirma que nada se passou. Que sem qualquer discussão o jogador se limitou a “desertar”.

Posto isto, no mínimo, exigem-se explicações claras a Ricardo Carvalho.