Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pedro Nogueira Photography

Um blog para mostrar as minhas fotos e para escrever sobre tudo o que me vier à cabeça …assim haja tempo.

As time goes by (Kabir Bedi e Carole André)

08
Jun20

O décimo nono post da série As Time Goes by.

Malásia, segunda metade do século XVIII. As terras orientais do Bornéu, pertencentes ao vasto império britânico, são comandadas por Lord James Guillonk, conquistador feroz e implacável, pai da bela Marianna Guillon, apelidada de "A Pérola de Labuan". O bravo Sandokan, um jovem príncipe indiano, que quando criança perdeu o seu reino devido à invasão inglesa, é agora é o capitão de um bando de piratas que não perde uma oportunidade para atacar o exército britânico.

Este é um breve resumo da história de Sandokan - O Tigre da Malásia.

Apenas seis horas de televisão e outros tantos episódios chegaram para eternizar estes dois actores que ficaram para sempre na memória de todos os que assistiram à série. Milhões de espectadores por todo o mundo, fazem dela, ainda hoje, uma das séries de maior sucesso da televisão europeia.

Kabir Bedi e Carole André foram nossos heróis da TV e das cadernetas de cromos em 1976, na pele do pirata Sandokan e de Lady Marianna. Personagens saídos da pena do escritor italiano, Emilio Salgari (1862-1911).

À altura da série, Kabir Bedi e Carole André com 30 e 23 anos de idade respectivamente, já contam hoje com 74 e 67 primaveras.

Recorde neste link.

Kabir Bedi 01.jpg

1976

Kabir Bedi 02.jpg

2015

Sandokan Poster.jpg

Poster Sandokan

Sandokan Caderneta.jpg

A caderneta de cromos ainda anda cá por casa.

As time goes by (Michèle Mouton)

23
Mar20

O décimo oitavo post da série As Time Goes by.

Em actividade entre 1974 e 1986, correndo pelas FIAT e pela Audi, Michèle Mouton é certamente uma das mais famosas e bem-sucedidas mulheres na história do automobilismo mundial, tendo sido a única mulher a vencer uma etapa do WRC. Feito alcançado em Sanremo (1981). Em 1982, terminou o WRC no segundo lugar do pódio, tendo vencido em Portugal, Brasil e Grécia, ao volante do famoso Audi Quattro.

Participou também, em 1975, nas 24 Horas de Le Mans e em 1985 foi a primeira mulher a vencer a famosa subida de Pike’s Peak.

A piloto francesa, nascida a 23 de Junho, em Grasse já vai a caminho dos 69 anos de idade.

Já agora, espreitem também este vídeo.

Michèle Mouton I 650px.jpg

Michèle Mouton II 650px.jpg

As time goes by (Olga Korbut)

14
Ago18

O décimo sétimo post da série As Time Goes by.

Embora muito novinho, ainda me recordo de ter o privilégio de a ver nos já longínquos Jogos Olímpicos de Munique 72. Três medalhas de ouro (Equipas, Trave Olímpica e Solo) e uma de prata (Paralelas Assimétricas). Tinha 1,51 m e devia pesar cerca de 40 kg.

Olga Valentinovna Korbut também conhecida como "Sparrow from Minsk" é uma bielorrussa, antiga ginasta da ex União Soviética.

Ainda voltou a tentar a sorte em Montréal 76, mas já por lá se passeava outro prodígio. Uma menina romena que dava pelo nome de Nadia Comaneci, mas essa, só por si, dá outro post.

Em 2017, devido a problemas financeiros, Olga Korbut vendeu três das suas medalhas olímpicas por $333.500. A fama é efémera, mesmo para pessoas de grandes feitos. Acautelem-se as que são só parvas.

Isto para dizer uma vez mais que o tempo não pára e que Olga Korbut já conta com 63 anos de vida (nasceu a 16 de Maio de 1955).

 

Olga Korbut I.jpg

 

Olga Korbut II.jpg

As time goes by (David Hyde Pierce)

12
Jul17

O décimo quinto post da série As Time Goes by.

Protagonizava o meu personagem preferido (Dr. Niles Crane) naquela que é também a minha série preferida (Frasier).

Apenas um personagem (Sheldon Cooper / Jim Parsons) e uma série (The Big Bang Theory) lhes fazem frente no meu top.

Não é dos mais velhos que têm passado por esta minha série mas já conta com 58 anos.

 

David Hyde Pierce.jpg

As time goes by (Michelle Phillips)

06
Jul17

O décimo quarto post da série As Time Goes by.

Lembram-se de Michelle Phillips, a giraça dos The Mamas & The Papas?

Já conta com 72 anos e é a única sobrevivente da banda.

Os restantes membros eram John Phillips (1935-2001), Cass Elliot (1941-1974) e Denny Doherty (1940-2007).

Jill Gibson ainda é viva e tem 74 anos mas só passou pela banda em 1966.

Aproveitem e recordem The Mamas & The Papas – California Dreamin’ mas não se assustem com o look do Denny Doherty :)

 

Michelle Phillips.jpg

As time goes by (Larry Bird)

30
Mai17

O décimo terceiro post da série As Time Goes by.

Desta vez saiu a rifa a Larry Bird. O meu jogador favorito dos tempos em que ainda seguia a NBA.

O Número 33 dos Boston Celtics, conhecido como o homem dos 3 pontos.

- 3× Three-point Shootout champion (1986-1988) -

Já conta com 60 anos.

 

Larry Bird.jpg

 

Palmarés

 

Como jogador:

3× NBA champion (1981, 1984, 1986)

2× NBA Finals MVP (1984, 1986)

3× NBA Most Valuable Player (1984–1986)

12× NBA All-Star (1980–1988, 1990–1992)

NBA All-Star Game MVP (1982)

9× All-NBA First Team (1980–1988)

All-NBA Second Team (1990)

3× NBA All-Defensive Second Team (1982–1984)

NBA Rookie of the Year (1980)

NBA All-Rookie First Team (1980)

3× Three-point Shootout champion (1986–1988)

NBA's 50th Anniversary All-Time Team

No. 33 retired by Boston Celtics

John R. Wooden Award (1979)

Naismith College Player of the Year (1979)

AP National Player of the Year (1979)

Oscar Robertson Trophy (1979)

Adolph Rupp Trophy (1979)

NABC Player of the Year (1979)

2× MVC Player of the Year (1978–1979)

2× Consensus first team All-American (1978–1979)

 

Como treinador:

NBA All-Star Game head coach (1998)

NBA Coach of the Year (1998)

 

Como executivo:

NBA Executive of the Year (2012)

As time goes by (Kathleen Turner)

26
Mai17

O décimo segundo post da série As Time Goes by.

Desta vez, lembrei-me da Kathleen Turner que apesar de já ir nos 62 anos, esperava encontrá-la um pouco mais elegante.

Quem não se lembra dela em "Romancing The Stone"; "Prizzi’s Honor"; "The Jewel of The Nile"; "Peggy Sue Got Married"; "Julia and Julia" e "The War Of The Roses" só para citar alguns dos seus êxitos no cinema e apenas na década de 80.

Uma sex bomb que depois dos prazeres da carne, está visto que se deixou dominar pela dita.

 

Kathleen Turner.jpg

As time goes by (Julio Iglesias)

28
Mar17

O décimo post da série As Time Goes by.

A fã da família era a minha mãe, embora confesse que tenho o guilty pleasure de gostar de o ouvir lá muito de quando em vez. Talvez por me lembrar uma época em que era mais novinho, sei lá :)

Julio Iglesias, pois claro. Já leva com 73 em cima das costas.

Este pelo menos gozou-a bem.

...ao contrário de parvos e parvas que estão sempre à espera do amanhã.

O Me Quieres O Me Dejas.

O me quieres o me dejas
o te tengo que olvidar
para estar así contigo
yo prefiero terminar... (+)

 

Julio Iglesias.jpg