Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Nogueira Photography

Um blog para mostrar as minhas fotos e para escrever sobre tudo o que me vier à cabeça …assim haja tempo.

"Sai daqui, que este falho eu"

20
Jan12

Estádio José de Alvalade - 2ª jornada da Taça da Liga.
De um lado, apresentando-se com todos os habituais titulares, o Sporting Clube de Portugal, um dos três “grandes” portugueses, eterno candidato ao título e com um investimento de milhões para a presente temporada. Do outro, um clube que dá pelo nome de Moreirense, pertence à divisão de honra e foi ao Estádio José de Alvalade rodar jogadores, apresentando uma equipa longe da que é habitualmente titular, mais preocupado com a luta pela subida de divisão do que com a Taça da Liga.
Resultado final Sporting CP-1 x Moreirense-1.
Um Sporting Clube de Portugal que, a meio do campeonato, está irremediavelmente afastado da luta pelo título, com um pé de fora da Taça de Portugal e muito provavelmente, devido à forte concorrência, sem qualquer hipótese de chegar a uma final europeia e encara um jogo como o de ontem da forma que o fez, já não dependendo de si próprio para passar à fase seguinte da competição.
Será preciso escrever mais alguma coisa?
Provavelmente até é, só que hoje não me apetece.
Para a direcção empossada continuamos em quatro frentes e já me começa a faltar tempo e paciência para contrariar malucos.
Isto já começa a ser pior do que bater no ceguinho, tal a miséria franciscana a que esta equipa nos está a levar.
Existem porém duas situações que não podem passar em claro.
Primeira situação. Quem assistiu à conferência de imprensa dada por Domingos Paciência em que quis mostrar o seu lado de Rambo de supermercado e reparou, mesmo antes do jogo ter início, na sua cara de pânico, arfando que nem um louco, definitivamente percebe que ali falta estofo. Pelo menos foi essa a ideia transmitida pelas imagens da SIC, num pequeno resumo que vi às 2 da manhã, uma vez que em directo, não tive essa possibilidade, uma vez que estava no estádio.
Segunda situação. Valeri “O Bidon” Bojinov. Para já, suspenso preventivamente, mas para mim não chega. Domingos dá ordem para ser Matías Fernández a marcar uma grande penalidade inventada pelo árbitro ao minuto 92. O búlgaro agarra na bola, empurra o companheiro de equipa, aponta e falha o castigo máximo. Castigo máximo que o Clube não poderá jamais falhar. Bojinov não poderá voltar a vestir a camisola do Sporting Clube de Portugal. Se o fizer, será, não só um péssimo exemplo, como um desrespeito pelos restantes jogadores, treinador, sócios e pelo próprio clube.
Cada um tem o Sá Pinto que merece e o Sporting Clube de Portugal já tem o seu.
Por falar em Sá Pinto. Não pensem que mesmo estando como está, desportivamente numa péssima posição e financeiramente na miséria, com mais quarenta e sete milhões de passivo do que há seis meses, que o clube bateu no fundo. Nada disso. Esperem só até o Sá Pinto chegar a treinador principal, ou muito me engano, ou lá chegaremos, e vão perceber que ainda não calçámos as botas de escafandrista.
Saudações Leoninas!

 

2 comentários

Comentar post