Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Nogueira Photography

Um blog para mostrar as minhas fotos e para escrever sobre tudo o que me vier à cabeça …assim haja tempo.

No rio Ave com a água pelo pescoço

20
Set11

O Sporting CP consegue fazer o 1-0 aos dois minutos, o 2-0 aos três minutos e aos sete minutos o "basquetebolista" da equipa, com um toque de calcanhar acidental, consegue partir o nariz ao, teoricamente, melhor avançado da equipa adversária, obrigando à sua substituição.

“Está no papo!” disseram por certo muitos adeptos do Sporting CP.

Está provado que até ao apito final, com esta equipa e este tipo de mentalidade, nunca nada está no papo.

Está provado também mais uma vez, que com equipas de primeira linha, esta defesa do Sporting CP não tem a mínima hipótese de sucesso. É de momento, o pior sector da equipa, com o "basquetebolista", apesar do golo, a representar o elo mais fraco e com Rodriguez a querer seguir-lhe as pegadas. A fraquíssima equipa do Rio-Ave, com quatro jornadas disputadas tinha apenas um golo marcado, tendo no entanto conseguido marcar o dobro ao Sporting CP e palpita-me que só não foi pior porque mais uma vez o adversário acabou o jogo reduzido a dez jogadores.

Quanto a Rui Patrício, é sem dúvida um bom guarda-redes a atravessar um mau momento. Ou o treinador lhe incute confiança, parecendo-me isso difícil porque é algo que o próprio não tem ou vamos ter mais do mesmo daqui para a frente. Já afirmei também que um jogo ou dois no banco lhe poderia fazer bem mas pode ser um pau de dois bicos, principalmente porque me parece que não há um substituto à altura e porque pode fragilizar ainda mais a sua confiança.

É preferível ganhar a jogar pouco e mal do que fazer grandes exibições e perder pontos mas este Sporting CP anda a esgotar-me a paciência. Continua a parecer um moribundo que à beira da extrema-unção, milagrosamente, lá consegue mais um dia de vida. Vamos ver até quando.

Saudações Leoninas!

2 comentários

Comentar post